Editorial – Aquele outubro de 2015…

0

 

 

Exposição de Flamarion Trevisan
Exposição de Flamarion Trevisan

Partindo do pressuposto que a arte e o conhecimento acrescentam valores à vida das pessoas, seja do ponto de vista material, ao torná-las mais qualificadas e mais valiosas em seu ambiente profissional; Seja do ponto de vista ético e moral, ao estimular o seu refinamento espiritual e estético, este outubro de 2015 foi inesquecível na APUSM. E como!

A começar pela abertura da programação Mês do Professor realizada na reitoria da Unifra e com Coral da APUSM fazendo o tom e ritmo do encontro E não foi ao acaso a escolha do local. A universidade franciscana completou 60 anos de atividade em Santa Maria e seus professores cada vez mais fazem parte atuante da nossa Associação.

Depois, no dia 5, a pintura de Flamarion Trevisan lotou o Salão Panorâmico da Associação, deixando a todos magnetizados com as mais de quarenta telas que refletem a trajetória artística deste santa-mariense tão talentoso. E o sucesso foi tanto que a óbvia decisão foi prorrogar a instigante mostra até o dia 30 de novembro.

No dia seguinte, começa o ciclo de palestras com renomados profissionais nas mais diversas áreas do conhecimento humano. Todos com temas relevantes e super atuais. E a primeira foi o Admirável Mundo da Nanociênias, feito pela professora Solange Fagan, que abrindo as portas do futuro projetou as inovações da tecnologia em uma escala nunca antes feita pela humanidade.

Alguns dias depois, a cura da alma através dos Florais de Bach foi o tema da palestra da professora Fátima Cristina Perurena que, aproveitando o evento, apresentou seu projeto de oferecer consultas na sede aos nossos associados.

No mesmo dia 13,  só que pela noite,começam também as atividades programadas pelo Departamento de Cinema da APUSM com a apresentação de Edmundo, de Luiz Alberto Cassol, um documentário que resgata a vida e a obra do jornalista, teatrólogo, memorialista, radialista e grande incentivador da cultura em nossa cidade, Edmundo Cardoso.

O ciclo seguiu na noite do dia 14 com a projeção de cinco curtas metragens santa-marienses, todos produzidos pela turma da Estação Cinema. Todos, é claro, com debates e discussões com seus respectivos diretores e atores logo após a exibição.

Vinte quatro horas depois, um dos acontecimentos culturais mais esperados no ano pelos santa-marienses. A exibição em pré estreia nacional de “Senhores da Guerra”, de Tabajara Ruas, com a participação do diretor que explicou com muita paciência e atenção para todos que lotaram o Salão Olho D’ Àgua como construiu, take a take, a obra cinematográfica que conta uma história verídica da revolução de 1923 no Rio Grande do Sul, sendo Santa Maria a capital dos acontecimentos. Só para definir o evento, Ruas foi aplaudido de pé por vários minutos no final de seu filme, enquanto outros se refaziam da emoção do que viram e sentiram.

No dia 21 e 22, a nossa parceira, Fundação Moã, reuniu um grande número de pessoas, entre professores, alunos, especialistas e ativistas do meio ambiente para demonstrar as razões e necessidades da proteção da natureza, assim como construiu, junto com as mais diversas entidades estaduais, uma Mostra de Prática Sustentável.

Dia 23 foi de debater arte e seu papel na nossa sociedade com o artista plástico Flamarion Trevisan. O bate-papo cultural aconteceu no Salão Cultural e contou com a mediação da secretária de Cultura do Município, Marília Chartune.

Já no dia 24, um torneio de xadrez reuniu os mestres da cidade em homenagem ao professor brasileiro. A competição foi o último treinamento dos enxadristas santa-marienses antes da Final do Campeonato Brasileiro de Xadrez 2015, que também acontece na APUSM, só que nos dias 28 e 29 de novembro.

Seguindo a programação,  a entrega dos prêmios do Concurso Cultural Cuidar da Água é Proteger a Vida, promovido pela APUSM, Fundação Moã e PMSM, foi feito no dia 27, na sede do Socepe, em Itaara. Participaram alunos e professores das escolas municipais.

E como ninguém é de ferro, na quinta, dia 28, teve happy hour com samba de raiz no Salão Panorâmico. A banda Samba em Comcerva animou associados e convidados e não deixou ninguém parado nos altos da nossa sede. O sucesso foi tanto, que a diretoria e a banda já estão acertando uma nova data para outra apresentação destes músicos fantásticos.

Depois,  presenças muito legais no dia 29 na sede da Associação. As jornalistas Lucia Ritzel e Fabiana Sparremberger, respectivamente gerente executiva da Fundação Maurício Sirotsky e editora-chefe do DSM, falaram sobre Mídia e Educação e ainda realizaram um animado bate papo com estudantes e professores de diversas escolas santa-marienses. Na pauta, como a imprensa divulga a Educação e também como pode ajudar.

É importante ressaltar que, devido as fortes tormentas que se caíram sobre o Estado e causaram falta de energia em Santa Maria, o nosso Jantar baile do Dia do Professor, programado para o dia 16, foi transferido para o dia 27 de novembro.

Enfim, foi ou não foi um mês inesquecível aqui na Associação….Este outubro vai ficar na memória!

Torneio de Xadrez
Torneio de Xadrez

 

Happy hour com a Banda Samba em Comcerva
Happy hour com a Banda Samba em Comcerva

 

Palestra com as jornalistas Lucia Ritzel e Fabiana Sparremberger, respectivamente gerente executiva da Fundação Maurício Sirotsky e editora-chefe do DSM
Palestra com as jornalistas Lucia Ritzel e Fabiana Sparremberger, respectivamente gerente executiva da Fundação Maurício Sirotsky e editora-chefe do DSM

 

Cineastas santa-marienses confraternizam com Tabajara Ruas na pres estreia nacional de Senhores da Guerra
Cineastas santa-marienses confraternizam com Tabajara Ruas na pres estreia nacional de Senhores da Guerra

SEM COMENTÁRIOS