Laboratório da UFSM recebe tecnologia alemã

0

Instituição local passa a contar com o mais moderno espaço do País para certificação de tratores

A Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) passa a contar com o mais moderno e completo laboratório do país apto a fazer a certificação de tratores. Na última semana, de terça-feira, 9, a sexta-feira, 12, técnicos alemães fizeram a instalação de um conjunto completo para avaliação de tratores agrícolas no Laboratório de Agrotecnologia do Centro de Ciências Rurais (CCR), que fica junto ao Núcleo de Ensaios de Máquinas Agrícolas (Nema), ao lado do Colégio Politécnico.

Os equipamentos foram adquiridos ao longo de três anos por meio de um projeto da UFSM com a Capes, no valor total de R$ 360 mil (R$ 120 mil a cada ano). Além da instalação, os técnicos também fizeram o treinamento da equipe.

Segundo o coordenador do Laboratório de Agrotecnologia, professor José Fernando Schlosser, os novos equipamentos, com norma ISO de qualidade, tornam o laboratório da UFSM, que é um dos únicos do país, o mais moderno e completo, capacitado a certificar os tratores nos quesitos de rendimento, segurança e emissão de poluentes, conforme prevê o plano de certificação de tratores, proposto pelos ministérios da Agricultura e da Indústria e Comércio.

Uma rede nacional de laboratórios, integrada pela UFSM, propõe a criação de um selo de identificação dos tratores no que se refere a rendimento, segurança e emissão de poluentes.

O Laboratório de Agrotecnologia está localizado no Campus da UFSM, sendo integrante do Núcleo de Ensaios de Máquinas Agrícolas. Sua principal missão é realizar pesquisas na área de engenharia agrícola, concentração em máquinas e mecanização agrícola. Voltado para o desenvolvimento de pesquisas, é espaço de aulas para os cursos de agronomia, engenharia florestal e pós-graduação em engenharia agrícola da UFSM.

Fonte: Arazão.

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS