Editorial – No ano do cinquentenário, um presente para os associados APUSM

0

 

Centro Cultural APUSM - O projeto arquitetônico do complexo foi elaborado pelo escritório do arquiteto Pepe Reys e prevê uma área construída de 8.800 m2, distribuídos em cinco pavimentos. Ilustração divulgação APUSM
Centro Cultural APUSM – O projeto arquitetônico do complexo foi elaborado pelo escritório do arquiteto Pepe Reys e prevê uma área construída de 8.800 m2, distribuídos em cinco pavimentos. Ilustração divulgação APUSM

 

 Paulo Magnago – presidente

 

A reforma do Estatuto e o início da construção do Centro Cultural APUSM são as duas grandes prioridades elegidas pela nossa diretoria como plataforma de gestão. E nesses primeiros meses frente à APUSM, já estamos buscando caminhos para cumprir, no menor espaço de tempo possível, estas duas metas.

Inicialmente, podemos informar que o Conselho Consultivo, órgão criado pela ex-presidente Tania Moura da Silva – que se destina a orientar, fiscalizar, auxiliar e aconselhar a presidência na solução de problemas – já foi reformulado.  Agora, nesta etapa inicial, o primeiro trabalho da nova formação do Conselho, será dar continuidade à reforma do Estatuto da nossa Associação. As modificações propostas, e que serão avaliadas posteriormente pelos associados, visam dar mais agilidade e segurança às decisões da equipe executiva da entidade.

Mas o grande desafio será a construção do Centro Cultural APUSM.  É um antigo sonho, uma reivindicação que vem sendo feita ao longo dos anos pelos associados. Por isso, foi elegida por nós como prioridade. E já podemos anunciar que em setembro vamos dar início às obras. Será um presente especial aos associados, neste ano em que a entidade comemora seu cinquentenário. Faltam apenas pequenos detalhes para a aprovação final do projeto, que foi elaborado ao longo de quatro anos pela gestão anterior da professora Tânia, e que será executado junto à atual sede. Matéria especial nesta edição mostra mais detalhes de como vai ser a obra. E todos os que desejarem saber mais sobre este investimento, venham até a nossa sede, onde teremos satisfação em mostrar o que haverá nestes 8.800 metros quadrados de construção.

Para um segundo momento, está prevista também a construção de uma piscina térmica, com aquecimento solar, para conforto dos associados. Também haverá outras instalações próprias para atividades física e esportiva.

Mas estas ações são desenvolvidas sem esquecer os demais assuntos que preocupam nossos associados. Em especial, a negociação com a Unimed, pois questões ligadas à saúde em muito preocupam a todos nós. Por isso, estamos dando atenção especial também a este assunto.

Assim, aos poucos, nossa diretoria busca desenvolver um conjunto de ações que tragam benefícios aos associados. Algumas destas ações vinham sendo planejadas pela diretoria anterior. Cabe a nós, agora, dar continuidade a estas ações e buscar novos caminhos para que a cinquentenária APUSM atinja seus objetivos.

 

 

COMPARTILHAR

SEM COMENTÁRIOS